29 outubro 2014

BDLP #4 [Extractus/Olindomar]

After the spotlight, the new anthology BDLP is now available, which, in its 4th year of existence, continues to reunite talents from Portuguese speaking countries. A partnership of Extratus Group and Olindomar Studio, it was presented at Luanda Cartoon Festival and reprinted to showcase in Portugal’s 25th Amadora BD, where it's been nominated for PNBD’s Best Comics Fanzine category. Between publishing short comics by new talents and spotlighting renowned authors – such as Nuno Saraiva, who was invited to Luanda – there’s still room for illustrations, authors profiles and articles regarding the title’s route.
Also worth mentioning is that BDLP #4 will be presented at Amadora BD in November 1th, that holds a retrospective of the first issues, which have had nominations for the PNBDs and TCC in Portugal, HQ Mix in Brasil, plus at Angouléme’s Comics Festival.

Depois do destaque, está disponível a nova antologia BDLP, que no 4º ano de existência continua a reunir talentos oriundos de países de língua portuguesa. Parceria do Grupo Extratus e Olindomar Estúdio, o título foi apresentado no Luanda Cartoon e agora reimpressa para o 25º Amadora BD, onde foi novamente nomeado na categoria de Melhor Fanzine dos PNBD. Entre edição de BDs curtas por novos talentos e destaques de autores de renome – desta feita, Nuno Saraiva, que esteve em foco no festival Angolano – existe ainda espaço para ilustrações, perfil dos autores e artigos alusivos ao percurso crítico da série.
É de salientar que o BDLP #4 será apresentado a 1 de Novembro no Amadora BD, onde tem uma retrospectiva destes primeiros quatro números, dos quais já teve nomeações nos PNBD, e TCC em Portugal, HQ Mix no Brasil e no Festival BD de Angouléme.

BDLP #4
(Olindomar/Extratus)
Publisher/Editor: Olímpio e Lindomar de Sousa & João Mascarenhas
Cover Illustration/Ilustração de Capa: Zix
Credits/Créditos: Various Authors/Vários Autores
1st Edition/1a Edição: Agosto 2014
2th Edition/2a Edição: Outubro 2014
Soft cover/Brochado, 90pg | PVP: 6,00€

27 outubro 2014

Amadora BD – 25 Years [CMA] | Amadora BD – 25 Anos [CMA]

The Amadora BD – 25 Years catalogue, published by CMA, is another great book with articles that develop the subject of the exhibits held at the festival and its activities, plus the parallel program. Written by field personalities and several curators, it also lists the city’ departments and individuals involved in making of the show, plus acknowledgements.
The festival’s website has available a PDF file with press releases that follow the catalogue’s contents, but without certain articles and its illustrative images (which includes a comics page of mine, inserted in the main exhibit “Galaxy XXI: The Future of Sequential Art starts Now,” organized by Sara Figueiredo Costa e Luís Salvado).

O catálogo Amadora BD – 25 Anos, publicado pela C. M. da Amadora e produção pelo CNBDI, é mais um esplêndido volume que reúne artigos de desenvolvimento sobre as exposições e actividades do festival, mais programação paralela, sendo composto por textos de personalidades convidadas e diversos curadores das mostras no evento. No final da edição, consta ainda uma ficha técnica dos departamentos e indivíduos responsáveis pela realização do festival e notas de agradecimento.
No website do evento, está disponível PDF com os dossiers de imprensa, que seguem de perto o conteúdo do catálogo, mas sem certos artigos ou imagens ilustrativas (incluindo uma das minhas pranchas de BD, incluída na exposição central “Galáxia XXI: O Futuro da Banda Desenhada começa Agora,” organizada por Sara Figueiredo Costa e Luís Salvado).


25º Amadora BD – 25 Anos
(C.M.Amadora)
Publisher/Director: Nelson Dona (CMA)
Editor: Cristina Gouveia (CMA-CNBDI)
Cover Ilustration/Ilustração de Capa: Joana Afonso
Credits/Créditos: Various Authors/Vários Autores
1st Print/1a Edição: Out./Oct. 2014 | Dept. Legal: 382903/14 | ISBN: 978-972-8284-79-4
Soft cover/Capa mole, 192pg | Copies/Tiragem: 500ex | PVP: 8,50€

25 outubro 2014

25th Amadora BD: Sketches / Esboços [Updated/Actualizado]

Similar to a long workout after weeks of leisure, sketching autographs at 25th Amadora BD was hard work. Last time was two years ago, but I felt that drawing frequently since then enabled me to better job this time. Although I didn´t snapshot all of them, it averaged one inked sketch every 10’ or so, for about 20 sketches during a 2h session that went on overtime for double that amount.
Big THANKS to everyone that stopped by – especially those that were kind enough to buy a publication of mine for me to sign. I hardly looked up from the table but think everyone got a sketch.

Tal como um longo exercício após semanas de ócio, desenhar autógrafos no 25º Amadora BD foi tramado. A última vez foi há dois anos, mas senti que desenhar regularmente ajudou-me a fazer agora um melhor trabalho. Apesar de não ter fotografado todos, atingi uma média de 12’ para cada, para cerca de 20 esboços durante uma sessão de 2h que se estendeu ao dobro.
Muito OBRIGADO a todos os que lá passaram – em especial a quem se prestou a comprar uma edição minha para eu assinar. Pouco pude levantar os olhos da mesa, mas penso que ninguém saiu sem um desenho.


First, here’s a pre-con drawing of Scorpion for Rodrigo, with thanks for making the trip to see me there. The following ones are a selection of snapshots from the sketches I drew at the show; I was asked to draw X, Batman, Catwoman, and occasionally Punisher, Daredevil (two pieces that I regret not photographing, because they turned out the best – maybe they’ll turn up around the web?) and Darth Vader (my last one of the day).
Primeiro, deixo um desenho pré-festival com Scorpion, para o Rodrigo, com estima por me ter ido lá visitar. Os seguintes são uma selecção de instantâneos de esboços feitos no evento; foram-me pedidos X, Batman, Catwoman, e ocasionalmente o Justiceiro, Demolidor (duas peças que lamento não ter fotografado, porque foram as que saíram melhor – talvez surjam algures na net?) e Darth Vader (o último do dia). 







UPDATE: One of the lost sketches has surfaced, featuring Daredevil, cortesy of friend & colleague Rui Alex. | ACTUALIZAÇÃO: Um dos esboços perdidos ressurgiu, figurando o Demolidor, por cortesia do amigo e colega Rui Alex.

22 outubro 2014

25th Amadora BD: Exhibit and Autographs / Exposição e Autógrafos [Updated/Actualizado]


Amadora BD’s festival starts in two days, with its opening ceremony and exhibits guided tours. But it’s in the weekend that the show picks up speed, with its full agenda and parallel activities in full throttle, plus with attendance of the invited comics authors.
Aside from having works displayed in the main exhibit, that translates to “Galaxy XXI: Sequential Art’s Future begins Now,” curated by Luís Salvado and Sara Figueiredo Costa, I will also be at the autographs session from 15pm-17pm; drop in, if you’d like. Copies of X vol.3 – Siege TPB (Dark Horse Comics) and The Infante Portugal and the Mutant Shadows (Apenas Livros), in which I collaborated, will be available for purchase at Polvo publisher’s stand.

O festival Amadora BD começa em dois dias, com a cerimónia de abertura e visita guiada. Mas é no fim-de-semana que o evento ganha engrenagem, com toda a programação e actividades paralelas em rotação, mais a presença dos autores convidados.
Além de expor na mostra central "Galáxia XXI: O Futuro da Banda Desenhada é Agora," comissariada por Luís Salvado e Sara Figueiredo Costa, vou estar na sessão de autógrafos das 15h–17h; quem quiser aparecer, está convidado. Haverá cópias dos livros X vol.3 – Siege TPB (Dark Horse Comics) e O Infante Portugal e As Sombras Mutantes (Apenas Livros), nos quais colaborei, à venda no stand da editora Polvo.


[Update | Actualização]
Some colleagues asked if I had – and if not, why hadn’t I – submitted to PNBDs my work at Dark Horse Comics, for their Foreign Language Books by Portuguese Authors category? Given this has become an controversy issue in our comics’ community, let me address it: Simply, I don’t enjoy entering contests or prizes. I think it’s great for other artists to do it – but count me out. I’ve always felt this way and never been at ease in being scrutinized for appraisal purposes.
There was a time, when I was starting out, that I knew it was necessary, to get my work known (its why I entered and won the 9ª Art+Arte Nove/Crash’ Lupus contest, and got 3rd place & critic’s choice award for Revelation Artist in BDmania/NGT’ Coelho Coelho contest, aside others), and I will do so when it implies works by fellow artists, that may not be likeminded regarding this topic and therefore shouldn’t miss out on having their works considered (as I did concerning All-Girlz editions, which, after many nominations, won as Best Fanzine and Best Short-Story at IX Central Comics Trophies), but outside of these instances, I don’t usually go for that type of competition; a work should speak for itself and, if good, its sales or reviews are “acknowledgment” enough.

That said, I only had eligible the issue I did for DHC’s X series, and although its TPB was announced & released in time for PNBDs’, it wouldn’t be right to submit a work were I participated so briefly, especially since there’s full books by Portuguese authors out there, more deserving of those considerations.

Alguns colegas perguntaram se tinha – e se não, porquê – submetido ao PNBD o que fiz na Dark Horse Comics, na categoria Melhor Álbum Estrangeiro por Autor Português? Dado isto ter-se tornado um tópico quente na comunidade, vou aqui abordá-lo: Simplesmente, não gosto entrar em concursos e prémios. Acho óptimo que outros autores o façam – mas não contem comigo. Sempre tive esta postura e nunca senti à-vontade em ser escrutinando para efeitos de consagração. Houve uma fase, quando estava a entrar no sector, em que sabia ser uma necessidade, para dar a conhecer o meu trabalho (razão porque entrei e ganhei o concurso Lupus, da 9ª Art+Arte Nove/Crash, e obtive o 3º lugar e prémio Artista Revelação pela crítica especializada, no concurso Coelho Coelho, da BDmania/NGT, entre outros), e fá-lo-ei quando tal implicar trabalhos de colegas, que podem não ter a mesma posição e não devem, por causa disso, perder oportunidade de ver as suas obras nomeadas/premiadas (como fiz com os fanzines All-Girlz, que após várias nomeações ganharam como Melhor Fanzine e Melhor Obra Curta no IX Troféus Central Comics), mas fora estas instâncias, não me costumo prestar a estes concursos; uma obra deve falar por si só e, se for boa, as vendas e críticas serão “reconhecimento” suficiente.
Dito isto, só teria elegível a revista feita para a série X, da DHC, e apesar deste volume compilado ter sido anunciado e editado dentro dos prazos considerados nos PNBDs, não seria correcto submeter um livro onde só participo brevemente. Em especial, quando há livros inteiros assinados por outros talentos nacionais, melhor adequados a essa nomeação.

21 outubro 2014

25th Amadora BD | 25º Amadora BD

Opening soon, 25th Amadora BD – Amadora’s International Comics Festival, Portugal’s foremost & durable comics’ event, will run from October 24th to November 9th, this year marking a milestone. Held at Forum Luís de Camões, plus CNBDI, Artur Bual Municipal Gallery and School of Theatre, it will continue to promote the PNBDs (Comics' National Awards), our most prestigious awards granted to works and authors.
Alongside the exhibit dedicated to this year’s spotlight author, Joana Afonso, and main show "25 ways to observe Comics," there will be collectives regarding Batman‘s 75th anniversary, Mafalda‘s 50th, tribute to Moebius, and others. The following foreign talents will attend: François Ayroles, Eric Shanower, Rafael Coutinho, Mathias Piccard, J.M. Ken Nimura and Tom Grindberg.

In addition to meeting Grindberg – one of my favorite authors – and witness my cousin Penim Loureiro’s return to the field, at the Moebius tribute, I was also invited to participate in the main exhibit, featuring a few comics works done for north-American market, in 2013 and early 2014.

Less formally, I’m taking the opportunity to share that it was on a field trip to Amadora BD (then, called FIBDA), twenty years ago (gulp!), where I first approached my then 1st girlfriend, who I’m still together with nowadays. Although I repeatedly lost sight her in that maze-like Culture Factory (where FIBDA was held in its initial ten years), because my attention was being pulled by this strange world with which I had never been faced or hadn’t any references that could exist, the courting was later resumed on the ride back. Therefore, it’s legitimate to assume that AmadoraBD, especially that 5th edition, sealed my fate, both professionally and personally!

Quase a começar, o 25º Amadora BD – Festival Internacional de Banda Desenhada da Amadora, o nosso mais importante e durável evento de BD, decorre de 24 Outubro a 9 Novembro, e este ano assinala uma data marcante. Com sede no Fórum Luís de Camões e passagem pelo CNBDI, Galeria Municipal Artur Bual, e Escola Superior de Teatro, o evento realizará ainda os PNBDs – Prémios Nacionais de BD, as maiores distinções conferidas a obras e autores no país. Paralelamente à exposição dedicada à autora em foco – Joana Afonso – e à mostra central, sobre “25 formas de observar a BD,” haverá colectivas sobre o 75º aniversário de Batman, 50º da Mafalda, tributo a Moebius, entre outras. Estarão presentes os talentos internacionais: François Ayroles, Eric Shanower, Rafael Coutinho, Mathias Piccard, JM Ken Nimura, e Tom Grindberg.
Além de ir conhecer Grindberg – um autor favorito – e acompanhar o regresso do meu primo Penim Loureiro, que integra o tributo a Moebius, também fui convidado a participar na mostra principal, onde terei trabalhos feitos para comics entre 2013 e 2014.

Menos oficialmente, aproveito para partilhar que foi numa visita de estudo ao (antigo) FIBDA, há vinte anos atrás (gulp!), onde abordei a minha 1ª namorada, que é também a actual companheira. Embora várias vezes a tenha perdido de vista na labiríntica Fábrica da Cultura (onde o evento decorreu nos dez anos iniciais), porque a atenção era puxada por este estranho mundo com o qual nunca me tinha chocado nem tinha referências de existir, na viagem de volta a corte pôde ser retomada. Portanto, é legítimo dizer que o AmadoraBD, em especial a 5ª edição, selou o meu destino, tanto profissional como pessoalmente!

17 outubro 2014

Montijo Faz P’Arte: New Exhibit / Nova Exposição

The collective exhibit Montijo Faz P’Arte, already addressed here, held in celebration of the city’s rise of status, which closed last September 30th, will next be held at Canha’s Etnographic Museum. The show, taking place from October 17th to December 31th, will maintain the previously displayed works and artists, which will be present at the opening in 10/17, at 18pm.

A exposição colectiva
Montijo Faz P’Arte, já aqui destacada, em comemoração do aniversário da ascensão desta ao estatuto da cidade, e que encerrou no passado dia 30 Setembro, estará de seguida patente no Museu Etnográfico de Canha. A mostra, que terá lugar de 17 de Outubro até 31 de Dezembro, irá manter as obras e autores previamente expostos, que estarão presentes na inauguração no dia 17/12, pelas 18h.

09 outubro 2014

Comps’ Day – X vol.3: Siege TPB

Dark Horse Comics’ editor and assistant editor continue to be thoughtful with me and sent these X vol.3 TPB comps’. I got them yesterday, not long before I posted its review; although I couldn’t stop myself from ordering a copy from the store, last time I went there…

O editor e editor-assistente da Dark Horse Comics continuam a ser atenciosos comigo e enviaram estes exemplares de cortesia de X vol.3 TPB. Recebi-os ontem, pouco antes de carregar a crítica; mas não me detive e encomendei uma cópia da loja, quando lá estive…

07 outubro 2014

X volume 3 – Siege TPB: Review / Crítica

I have just finished reading the book – in almost one sitting, which is a lot for me! – and loved it. Duane Swierczynski’s story is fluid and dense at the same time, with each chapter furthering the plot along but having its own focus, and Eric Nguyen’s dynamic art gives it all the right tone; I’m eager to read the next volumes, because the games are just now beginning…!
Review-wise, I didn’t do a great deal of search this time, but here’s a review by Madeleine Holly-Rosing, at FanboyComics.net.

Acabei de ler recentemente o álbum – quase duma só vez, o que é imenso para mim! – e adorei. O guião do Duane Swierczynski é fluido e denso ao mesmo tempo, com cada capitulo a progredir a história e tendo simultaneamente o seu foco próprio, e a arte dinâmica do Eric Nguyen acerta no tom do quadro geral; fiquei expectante de ler os próximos volumes, porque parece que os jogos ainda agora começaram…!Quando a críticas, não fiz grande pesquisa desta vez, mas deixo um texto de Madeleine Holly-Rosing, para FanboyComics.net.

01 outubro 2014

Comic-Con Portugal

Portugal’s had many salons and festivals, and even an original convention, back in 2001 (with “BD Fórum”), but never yet a full-on Comic Con. This December, promoter C.I.T.Y. will put together the 1st Comic-Con Portugal, complete with several conversation panels, presentations, cosplay, contests, portfolio reviews, commercial area and an artist’s alley, plus appearances by international celebrities and comics artists – check out the official website for more 'info & tickets.
Yesterday I was announced amongst the Portuguese authors present there; here’s the official spotlight.

Portugal tem tido muitos salões e festivais, e até uma convenção original, em 2001 (o “BD Fórum”), mas nunca antes uma Comic Con a sério. Este Dezembro, a promotora C.I.T.Y. vai fazer o Comic-Con Portugal, completo com painéis de conversação, apresentações, cosplay, concursos, revisão de portfólios, área comercial e travessa de artistas, além de presenças por celebridades internacionais e autores de BD – vejam o site oficial para mais info & bilhetesOntem fui anunciado entre os autores Portugueses presentes; eis o destaque oficial.